Curso de Graduação em
Química – Licenciatura

Futuro Estudante

O Campus UFV-Florestal oferece anualmente 25 vagas para o Curso de Licenciatura em Química. A forma de admissão do estudante se dá por uma das seguintes modalidades: Sistema de Seleção Unificada (SISU); Programa de Avaliação Seriada para Ingresso no Ensino Superior (PASES); Concurso de Vagas Ociosas; Reativação de Matrícula; Programa de Estudantes-Convênio de Graduação (PEC-G); e por outras modalidades de processos seletivos aprovados pelos Colegiados Superiores.

A forma de ingresso na graduação na modalidade de concurso vestibular vigorou até o ano de 2011, tendo sido extinta, conforme Resolução Conjunta CEPE/CONSU n0 01/11, e substituída, a partir de 2012, pelo do Sistema de Seleção Unificada do MEC. A participação da UFV no SISU será com 80% de suas vagas, ficando reservadas 20% das vagas para o processo seletivo do PASES.

 

PERFIL E COMPETÊNCIAS PROFISSIONAIS

O Curso de Licenciatura em Química visa à formação de um profissional cujo perfil é o de professor. Os licenciados deverão adquirir habilidades instrumentais que os capacitem para a preparação e desenvolvimento de recursos didáticos e instrucionais relativos à sua prática. Nesse sentido, espera-se que o licenciado em química apresente:

  • Atitudes críticas e criativas, na solução de problemas e na condução de atividade do magistério;
  • Formação humanística, norteada pela ética em sua relação com o contexto cultural, socioeconômico e político;
  • Capacidade de buscar informações e processá-las;
  • Capacidade de utilizar o conhecimento químico adquirido e de avaliar  suas implicações no meio ambiente.
  • Capacidade de analisar situações e de se posicionar criticamente frente  aos movimentos educacionais, aos materiais didáticos, aos objetivos do ensino de Química e às mudanças constantes da prática pedagógica;
  • Visão abrangente da atuação do educador no desenvolvimento de uma consciência  cidadã como condição para a construção de uma sociedade mais justa e democrática;
  • Visão crítica dos problemas educacionais brasileiros e habilidade para  propor soluções adequadas a esses problemas.

OBJETIVOS DO CURSO

Objetivo Geral

O Curso de Licenciatura em Química do Campus UFV-Florestal visa formar professores para atuarem no ensino fundamental e médio integrando o processo da educação básica, de maneira responsável, com participação efetiva no desenvolvimento de processos pedagógicos.

Objetivos Específicos

Tendo como base as diretrizes curriculares nacionais para o Curso de Química Licenciatura, os profissionais licenciados em química deverão (Parecer CNE/CP Nº 1.303):

Com relação à formação pessoal

  • Possuir conhecimento sólido e abrangente na área de atuação (competência profissional garantida pelo domínio do saber sistematizado dos conteúdos da Química e em áreas afins: Matemática, Física, Computação e Biologia), com domínio das técnicas básicas de utilização de laboratórios bem como dos procedimentos necessários de primeiros socorros, nos casos dos acidentes mais comuns em laboratórios de Química.
  • Possuir capacidade crítica para analisar de maneira conveniente os seus próprios conhecimentos; assimilar novos conhecimentos científicos e/ou educacionais e refletir sobre o comportamento ético que a sociedade espera de sua atuação e de suas relações com o contexto cultural, socioeconômico e político.
  • Identificar os aspectos filosóficos e sociais que definem a realidade educacional.
  • Identificar o processo de ensino/aprendizagem como processo humano em construção.
  • Ter uma visão crítica com relação ao papel social da Ciência, a sua natureza epistemológica, compreendendo o seu processo histórico-social de construção.
  • Saber trabalhar em equipe e ter uma boa compreensão das diversas etapas que compõem uma pesquisa educacional.
  • Ter interesse no auto-aperfeiçoamento contínuo, curiosidade e capacidade para estudos extra-curriculares individuais ou em grupo, espírito investigativo, criatividade e iniciativa na busca de soluções para questões individuais e coletivas relacionadas com o ensino de Química, bem como para acompanhar as rápidas mudanças tecnológicas oferecidas pela interdisciplinaridade, como forma de garantir a qualidade do ensino de Química.
  • Ter formação humanística – conhecimentos básicos de Filosofia, Sociologia, História da Ciência, dos Movimentos Educacionais, etc. – que permita exercer plenamente sua cidadania e, enquanto educador, buscar sempre melhor qualidade de vida para todos os que serão alvo do resultado de suas atividades.
  • Ter formação pedagógica para exercer a profissão de professor, com conhecimentos em História e Filosofia da Educação, História e Filosofia da Ciência, Didática, Psicologia da Educação, Estrutura e Funcionamento do Ensino e Prática de Ensino.
  • Ter habilidades que o capacite para a preparação e desenvolvimento de recursos didáticos e instrucionais relativos à sua prática e avaliação da qualidade do material disponível no mercado, além de ser preparado para atuar como pesquisador no ensino de Química.
  • Interessar-se pelos aspectos culturais, políticos e econômicos da vida da comunidade a que pertence.
  • Estar engajado na luta pela cidadania como condição para a construção de uma sociedade justa, democrática e responsável.

Com relação à compreensão da Química

  • Compreender os conceitos, leis e princípios da Química.
  • Conhecer as propriedades físicas e químicas principais dos elementos e compostos, que possibilitem entender e prever o seu comportamento físico-químico, aspectos de reatividade, mecanismos e estabilidade.
  • Acompanhar e compreender os avanços científico-tecnológicos e educacionais.
  • Reconhecer a Química como uma construção humana compreendendo os aspectos históricos de sua produção e suas relações com os contextos cultural, socioeconômico e político.

Com relação à busca de informação e à comunicação e expressão

  • Saber identificar e fazer busca nas fontes de informações relevantes para a Química, inclusive as disponíveis nas modalidades eletrônica e remota, que possibilitem a contínua atualização técnica, científica, humanística e pedagógica.
  • Ler, compreender e interpretar os textos científico-tecnológicos em idioma pátrio e estrangeiro (especialmente inglês e/ou espanhol).
  • Saber interpretar e utilizar as diferentes formas de representação (tabelas, gráficos, símbolos, expressões, etc.).
  • Saber escrever e avaliar criticamente os materiais didáticos, como livros, apostilas, “kits”, didáticos, modelos, programas computacionais e materiais alternativos.
  • Demonstrar bom relacionamento interpessoal e saber comunicar corretamente os projetos e resultados de pesquisa na linguagem educacional, oral e escrita (textos, relatórios, pareceres, pôsteres, internet) em idioma pátrio.

Com relação ao ensino de Química

  • Refletir de forma crítica a sua prática em sala de aula, identificando problemas de ensino/aprendizagem.
  • Compreender e avaliar criticamente os aspectos sociais, tecnológicos, ambientais, políticos e éticos relacionados às aplicações da Química na sociedade.
  • Saber trabalhar em laboratório e saber usar a experimentação em Química como recurso didático.
  • Possuir conhecimentos básicos do uso de computadores e sua aplicação em ensino de Química.
  • Possuir conhecimento dos procedimentos e normas de segurança no trabalho.
  • Conhecer teorias psicopedagógicas que fundamentam o processo de ensino-aprendizagem, bem como os princípios de planejamento educacional.
  • Conhecer os fundamentos, a natureza e as principais pesquisas de ensino de Química.
  • Conhecer e vivenciar projetos e propostas curriculares de ensino de Química.
  • Ter atitude favorável à incorporação, na sua prática, dos resultados da pesquisa educacional em ensino de Química, visando solucionar os problemas relacionados ao ensino/aprendizagem.

Com relação à profissão

  • Ter consciência da importância social da profissão como possibilidade de desenvolvimento social e coletivo.
  • Ter capacidade de disseminar e difundir e/ou utilizar o conhecimento relevante para a comunidade.
  • Atuar no magistério, em nível de ensino fundamental e médio, de acordo com a legislação específica, utilizando metodologia de ensino variada, contribuindo para o desenvolvimento intelectual dos estudantes e para despertar o interesse científico em adolescentes; organizando e usando laboratórios de Química; escrevendo e analisando criticamente livros didáticos e paradidáticos e indicando bibliografia para o ensino de Química; analisando e elaborando programas para esses níveis de ensino.
  • Exercer a sua profissão com espírito dinâmico, criativo, na busca de novas alternativas educacionais, enfrentando como desafio as dificuldades do magistério.
  • Conhecer criticamente os problemas educacionais brasileiros, a partir da análise da História da Educação Brasileira e da Legislação.
  • Identificar no contexto da realidade escolar os fatores determinantes no processo educativo, tais como o contexto socioeconômico, política educacional, administração escolar e fatores específicos do processo de ensino-aprendizagem de Química.
  • Assumir conscientemente a tarefa educativa, cumprindo o papel social de preparar os alunos para o exercício consciente da cidadania.
  • Desempenhar outras atividades na sociedade, para cujo sucesso uma sólida formação universitária seja importante fator.

 

SAIBA MAIS SOBRE A UFV

Equipe de Desenvolvimento Web/UFV - 2013 - Mantido com Wordpress